Mario Cunha, Músico, Professor, Comendador, Palestrante e Diretor | 06/2006 Souza Lima democratiza o ensino musical
501
post-template-default,single,single-post,postid-501,single-format-standard,edgt-core-1.2,ajax_fade,page_not_loaded,,vigor-ver-1.12, vertical_menu_with_scroll,smooth_scroll,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
 

06/2006 Souza Lima democratiza o ensino musical

06/2006 Souza Lima democratiza o ensino musical

Souza Lima democratiza o ensino musical

O Conservatório Souza Lima acredita que o ensino da música deve ser de fácil acesso a todos que desejam estudar e para isso realiza o programa SLCE (Souza Lima Convênio de Ensino) Nacional, Paulista e Internacional em que firma convênios com escolas de música de outras cidades e de outros países.

Atualmente, o conservatório tem seis escolas dentro do país e 17 pelo mundo, sendo que há três em processo de credenciamento, ou seja, muito em breve serão 26 escolas no SLCE. O SLCE Internacional conta com quatro escolas da América Latina, seis na Ásia e sete na Europa. “É necessário que a escola passe por um processo de avaliação e de informação para ser aceito no projeto. Atualmente, temos muitas escolas se inscrevendo para o projeto”, diz o diretor do Conservatório Musical Souza Lima, Antônio Mário Cunha.

O Diretor Antonio Mário é o criador do projeto, além de incentivar diversas áreas musicais, propõe com essa atitude exclusiva, ampliar os conhecimentos musicais da comunidade brasileira, formando novos adeptos ao estudo sério e acadêmico da música, valorizando assim o ensino e seus profissionais. “A nossa missão nesse projeto é servir a todos os interessados, sejam diretores, professores ou ainda alunos, onde oferecemos o melhor da didática eleita por nossos professores dentro do projeto pioneiro no Brasil e estamos com uma aceitação muito grande e realizando com isso uma possibilidade real, como uma luz no fim do túnel para todos aqueles que querem de fato ser músicos e instrumentistas com orientação profissional, além de dicas e suportes importantes para a direção das mesmas”, conclui o diretor do Conservatório Souza Lima.

As escolas que fazem parte do SLCE são Conservatório Belas Artes, Joinville/SC, Bebop Música e Treinamentos, Cuiabá/MT, Free Studio, Blumenau/SC, IGB, Franca/SP, Musiartes, Santa Maria/RS, e High Tech, Belém/PA. Durante o ano acontecem diversos eventos para promover o intercâmbio de alunos, professores e, principalmente, do conhecimento musical. Entre estes eventos, está o SLCE Itinerante, onde vão para as escolas conveniadas dois professores da Faculdade Souza Lima & Berklee para ministrar aulas direcionadas aos professores da escola e um show para convidados.

O aluno Anderson Luís Canuto, mais conhecido como Beriba de La Ville, veio de Joinville/SC, indicado pelo professor e percursionista Dinho Gonçalves – atualmente, seu professor – durante o Festival de Música de Itajaí. “Estou em São Paulo há três meses e tenho um projeto de música brasileira e em julho vou fazer uma turnê para Venezuela, conta Beriba de La Ville. Outro exemplo de aluno que veio de outra cidade é o baixista Glécio Santos do Nascimento, de Santos/SP, que está em São Paulo há cinco meses cursando a Faculdade Souza Lima & Berklee. “Eu conheci o Souza Lima no meio profissional, pois eu já tocava profissionalmente e os outros músicos comentavam”, diz.

Estes dois casos são apenas amostras de como os músicos e estudantes de outras cidades e estados buscam um ensino de qualidade para poderem se aprimorar na carreira, outros exemplos de alunos que vieram das escolas conveniadas com esta preocupação: Abner Vicente Paul da escola Belas Arte, Joinville/SC, Felipe Dyck Friesen da Free Studio, Blumenau/SC, Felipe Calegari Santana, Mauricio Hoffman, Denílson Fernandes e Rafael Reis da Musiartes, Santa Maria/RS. Por isso, o SLCE trará uma novidade para 2009 é a ida de um aluno da Faculdade para fazer uma palestra aos alunos das escolas conveniadas que desejam estudar em São Paulo e tocará junto com os professores.

Além disso, todo o ano, o Souza Lima realiza uma reunião com todos os diretores das escolas do SLCE para trocar experiências, apresentar novas sugestões, discutir assuntos pertinentes à instituição de ensino, novas diretrizes e rumos que poderão ser tomados em conjunto, unindo ainda mais todos os participantes do projeto. E nos meses de janeiro e julho, acontece o Curso de Treinamento e Capacitação para os professores das escolas conveniadas com aulas de harmonia, prática de banda, percepção, história da música e outras matérias importantes para o aprimoramento do ensino musical.

Para mais informações sobre o SLCE, o site é http://www.souzalima.com.br/slce/

Colaboração: Mariana Sayad
Prof. Antonio Mario Cunha
Diretor do Souza Lima Ensino de Musica,
Conservatório e Faculdade Internacional